Mobile

A Evolução do OS até ao iOS 7

15 Jun , 2013  

 

do OS ao iOS 7A evolução do iOS desde 2007, quando Steve Jobs se lembrou de utilizar os próprios dedos para fazer abrir aplicações e deslizar ecrãs. Altura, em que estávamos longe de imaginar a inexistência de teclas nos telemóveis e mouses nos computadores. Tudo começava com as pontas dos dedos.

LEIA TAMBÉM: As Criações de Steve Jobs na Apple; Dicas para desenvolver aplicações; Os Smartphones vieram revolucionar o mercado e as Marcas. 

iPhone OS

iPhone OS

Quando a Apple anunciou o iPhone em 2007, os sistemas operativos para telefones touchscreen de consumo estavam longe de ser um sucesso. A blackbarry dominava o mercado do telemóveis topo de gama. A Samsung estava longe de ser aquilo que é hoje.

A Apple descreveu na altura o interface como “totalmente novo”, como um “novo software e pioneiro.” No comunicado de imprensa oficial, Steve Jobs, afirmava: “Todos nós nascemos com o dispositivo que aponta e faz deslizar coisas – os nossos dedos.” O iPhone começa então a necessitar dos dedos para criar o interface com os utilizadores o que torna a tecnologia mais revolucionária desde o mouse, o “Rato” do computador.

O primeiro OS, e o 1.º Smartphone chamado de “iPhone OS”, ofereceu o Google Maps, o iTunes com CoverFlow, um navegador Safari e “widgets“, como Weather, Stocks, Mail, Calendar, Camera e Photos, Relógio, Notas e Calculadora.

A beleza do OS, que era na altura muito básico, tinha um interface baseado em ícones, um sistema de boa aparência e muito simples de usar, que fez com que os consumidores se apaixonassem desde o início.

O utilizador ficava com a capacidade de “controlar o iPhone com apenas um toque, movimento com a ponta dos seus dedos.”

iPhone OS 2.0

Iphone OS 2

Em julho de 2008, os consumidores tinham que experimentar iPhone 2.0, cinco meses depois da Apple liberar um SDK para desenvolvedores, e permitia que terceiros criassem aplicativos para a plataforma. Foi neste momento que se começou a desenvolver aplicações e nasceu um novo negócio.

O OS 2.0 foi lançado com o iPhone 3G. Este software 2.0 introduziu a “App Store”, para ambos, os de primeira e segunda geração do iPhones.

Steve Jobs afirmava em comunicado de imprensa que “Estamos entusiasmados com a criação de uma comunidade de desenvolvedores que têm criado milhares de aplicações nativas para o iPhone e iPod touch.” O negócio da App Store fazia sucesso.

iPhone OS 3.0

OS 3

Para a atualização do 3.0 para a plataforma iOS, a Apple estava focada nas melhorias do sistema operativo 3.0 (capaz de satisfazer dispositivos mais antigos). Era importante copiar, construir e colar recursos muito solicitados, como mensagens MMS, fotografias, melhorou também o “Spotlight” de pesquisa, a gravação de vídeo, uma bússola, a gravação de voz e capacidades básicas de controle de voz.

Em abril de 2010, a Apple lançava o 3.2, e a primeira versão do ipad e iphone 4.

iOS 4

IOS 4

Visualizado em abril de 2010, “o iOS 4” teve uma versão beta para desenvolvedores, mas não estava disponível nos consumidores até ao Verão de 2010.

Um marco significativo na história da plataforma iOS, o sistema operativo 4.0 introduziu FaceTime com a vídeo chamada, verificação ortográfica, multi-tarefa para aplicações de terceiros, pastas para organizar aplicativos, a plataforma de publicidade móvel iAd e um novo mercado da Apple o iBooks, que permite comprar e ler livros ou ficheiro em PDF.

“iPhone OS 4 é o quarto maior lançamento do sistema operativo móvel e o mais avançado do mundo”, disse Steve Jobs, num comunicado de imprensa da Apple. “Estamos com mais de 100 novas funcionalidades, incluindo multi-tarefa, pastas, caixa de entrada unificadas, com um Smartphone que apoia as empresas com uma nova App iBooks, a iBookstore e on-line.”

iOS 5

ios 5

O iOS 5 foi a “revolução pós PC”, de acordo com Steve Jobs. O sistema “que não necessita de PC” o iOS 5 ofereceu aos utilizadores a capacidade de ativar e configurar os seus dispositivos iOS sem computador. O “over the air” atualiza o software e mudou a maneira como os utilizadores podem fazer atualizações.

 

Também foi adicionado ao PC o iCloud, que permite guardar memórias e ter os e-mails atualizados em todos os dispositivos da Apple, como os contactos, calendário, fotos, aplicativos, livros, música e muito mais.

A grande novidade este iOS 5 tinha que ser o Siri. Na época do lançamento, a Apple chama ao Siri “um assistente inteligente que o ajuda a fazer as coisas ao falar com o  iphone”. Hoje, continua a não existir na língua portuguesa.

iOS 6

ios 6

Em setembro de 2012, a Apple lança mais 200 novos recursos com o lançamento do iOS 6.0.

O mais badalado e a grande novidade foi o aplicativo Maps, que abandonou a oferta da Google  e começou a utilizar a cartografia concebida pela Apple. No entanto, a aplicação não foi uma melhoria e até deu problemas.

No iOS 6 houve a integração com o Facebook e o Twitter, uma nova funcionalidade Siri e suporte LTE, nasce o 4G.

iOS 7

iOS 7 Junho 2013

Introduzido a 10 de junho de 2013, o iOS 7 é a “maior mudança do iOS desde a introdução do iPhone,” de acordo com o CEO da Aplle, Tim Cook.

Talvez o mais impressionante é o iOS 7 aparecer com um novo design e radicalmente novo. A quebrar o passado e a imagem deixada por Steve Jobs. As Aplicações nativas da Apple receberam um olhar fresco, e a empresa afasta-se do design indiscutivelmente ultrapassado. A Apple também abraçou uma imagem e um interface mais translúcido.

Outra novidade é Control Center, um painel de configurações importantes (como Wi-Fi, música and flashlight), que pode ser utilizado e controlado a partir de qualquer dispositivo.

Fundador do Blogue MediasSociais – a nova tendência, experiência em Jornalismo, Formação em Comunicação Empresarial e Pós-Graduação em Marketing & Banking Social Media no ISGB. Autor dos eBook’s Toolkit de Social Media Marketing e Pensar Social Media.

, , , ,


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *