Social Media

OS SMARTPHONES CADA VEZ MAIS RELEVANTES

19 Set , 2015   Gallery

O uso de Smartphones está a aumentar. Os Smartphones são usados como ferramenta de trabalho, lazer e comunicação. Há termos de Marketing que começam a ser familiares como o termo Smartphone, SEO, sites móveis, Geolocalização, Foursquare, Facebook, Snapchat, Instagram e Pinterest. Os Smartphones estão a Revolucionar o Mercado, as Marcas e as Redes Sociais. As Marcas podem ter canais gratuitos nas redes sociais e atualizar a informação fora do escritório. O Mobile começa agora revolucionar as empresas.

O Smartphone é um telemóvel com funcionalidades avançadas que podem ser estendidas através de programas e aplicações executados no seu sistema operativo. É possível que qualquer pessoa desenvolva programas e aplicações que podem funcionar nos aparelhos.

Os comerciantes devem ser capazes de perceber os novos tipos de consumidores que estão a surgir e têm de ser capazes de alcançá-los de uma forma fácil e rápida.

As tecnologias como a geolocalização pode ajudar a compreender melhor os consumidores e a comunicar com eles com mais relevância. Sabemos onde andam os nossos consumidores. Para se perceber este novo marketing deve perceber-se a verdadeira dimensão que as tecnologias ajudam a alcançar.

Outra parte importante a considerar é a crescente adoção e uso da internet em dispositivos móveis e é esperado que nos próximos três anos, os utilizadores de Internet troquem os computadores pessoais pelos seus Smartphones. Espera-se que em 2015 o número de utilizadores conectados à internet via smartphones seja consideravelmente maior dos que o fazem através do computador.

Segundo estudos recentes realizados, já publicados no MEDIASSOCIAIS, os utilizadores estão cada vez mais a usar o Smartphone enquanto vêem televisão. Isto permite interagir com eles e já representa cerca de 86% dos utilizadores.

De acordo com os últimos números do Barómetro de Telecomunicações da Marktest, em Julho, 27% das páginas dos sites auditados pela Marktest foram acedidas através de equipamentos móveis.

Segundo os dados do netScope, em Julho, 73% do tráfego auditado foi gerado por PCs (desktop ou portáteis) e 27% por equipamentos móveis.

Entre estes equipamentos, os acessos por smartphone representaram 22% do consumo mensal enquanto os tablet foram responsáveis por 6% dos pageviews.

Face ao mês homólogo de 2014, os smartphone foram os equipamentos que mais quota ganharam (6 pontos percentuais), a mesma proporção em que baixou a quota de PCs, tendo-se mantido inalterada a quota dos tablet.

O valor dos acessos móveis observado este mês corresponde ao valor máximo desde que analisamos este indicador.

Numa análise demográfica as faixas etárias compreendidas entre os 15 e os 24 anos, assim como a faixa dos 25 aos 34 anos, são as que mais smartphones possuem. Com 25% de quota cada, as duas faixas representam 50% dos utilizadores portugueses de smartphones.

O estudo também concluiu que as classes baixa e média baixa são as que têm mais smartphones, totalizando 44% das respostas, contra 31% da classe média e os 25% da classe média alta/alta.

As redes sociais tal como as conhecemos hoje estão a entrar na adolescência e têm ganhado uma importância cada vez maior nas nossas vidas. As redes sociais estão a entrar na adolescência.

As redes sociais têm tido um rápido crescimento e ganhado uma relevância importante nas nossas vidas. O boom do uso das redes sociais em Portugal dá-se em 2010 (crescimento de 51%) e depois ainda em 2011 (33%) e em 2012 (27%)2. E, segundo a Marktest, atualmente 65% dos portugueses com 15 e mais anos usam Internet e 55% usam redes sociais (há apenas cerca de 900 mil que usam a Internet e não usam redes sociais) . 15% do consumo de Internet em 2014 (em páginas) foi feito em redes sociais.

Falar de redes sociais é sobretudo falar do Facebook, a rede predominante em Portugal: 93% dos portugueses dizem, em 1º lugar e de forma espontânea, conhecer o Facebook, 94% têm conta no Facebook, 86% dizem que é a rede social que mais utilizam e 67% dizem que é a rede social que mais gostam, segundo os dados de setembro de 2015 da marktest.

Na análise de tendências permite-nos afirmar que a mobilidade é talvez a mais relevante dos últimos anos. Isto deve-se à utilização de Smartphone:

  • Aumento da penetração de smartphones: em Portugal, o número de possuidores quase duplicou em 3 anos; atualmente 60% dos indivíduos com 10 e mais anos possui este equipamento;
  • Conveniência: cabe na palma da mão; não necessita esforço da nossa parte e tudo está nas postas dos dedos;
  • Total mobilidade: pode ser usado em qualquer local;
  • Funcionalidades disponíveis e usadas nas redes sociais: foto e vídeo, geolocalização… Os jovens estão no Instagram e no Snapchat, redes sociais pouco utilizadas pelos pais.

Redes sociais em franca expansão: Instagram, Pinterest, Snapchat e Tumblr. O Instagram é o 3º site mais conhecido (depois do Facebook e Twitter) e o 5º site onde mais utilizadores dizem ter pefil (depois de Facebook, Youtube, Google+ e LinkedIn). O Instagram e o Tumblr registaram ainda este ano a maior taxa de crescimento face a 2014. Em 2015, temos o Snapchat com mais penetração junto dos mais jovens.

Fundador do Blogue MediasSociais – a nova tendência, experiência em Jornalismo, Formação em Comunicação Empresarial e Pós-Graduação em Marketing & Banking Social Media no ISGB. Autor dos eBook’s Toolkit de Social Media Marketing e Pensar Social Media.

, , , ,


Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *