Tecnologia

A Febre Do Pokémon Go Acabou!

6 Nov , 2016  

Depois de ter feito um sucesso enorme na televisão, o Pokémon chegou aos dispositivos móveis no verão de 2016. As redes sociais de todo o mundo não falaram de outra coisa e Portugal não foi excepção. Agora, parece ser um jogo completamente banal. A febre acabou!

O Pokémon Go, que invadiu os smartphones do mundo, é um jogo que combina realidade virtual com o mundo real no qual os jogadores são desafiados a explorar locais reais para encontrarem pokémon (criaturas da série juvenil) e tesouros. O objetivo do jogo é o mesmo da série animada, apanhá-los todos.

Sempre que existe um Pokémon por perto os jogadores são notificados nos seus telémoveis e aí começa a “caça”. O Pokémon vai aparecer num mapa virtual e é nesse momento que o jogador o vai tentar apanhar.

Apesar dos Pokémon apenas existirem dentro dos smartphones, podem ser treinados em “ginásios” virtuais espalhados pelo mundo real. Existem, também PokeStops que permitem que os jogadores aumentem as reservas de recursos para melhorarem o seu desempenho como treinadores.

A febre acabou!

De acordo com a Bloomberg, empresas como o Facebook, o Tinder, o Snapchat, o Instagram e o Twitter podem começar a respirar de alívio. Isto porque ao mesmo tempo que os utilizadores se focavam fortemente no Pokémon Go, pareciam ter-se esquecido das restantes aplicações.

Aproximadamente uma semana e meia após o lançamento – o número de utilizadores ativos diários atingiu um pico de cerca de 45 milhões, o jogo da Niantic, que se tornou um fenómeno do mundo digital, tem vindo a perder jogadores diariamente.

 

Estudante de Engenharia Informática, co-fundador do Blogue MediasSociais – a nova tendência, auto-didata em tecnologia da inovação, social media e gestão das tecnologias da informação. Fundador da uBlippy, rede social familiar, 4.º lugar da VLAbs 2014.

, ,


Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *